TSFI (Terapia Sistêmica Fenomenológica Integrativa)

 

 

A Terapia Sistêmica Fenomenológica Integrativa é uma metodologia de trabalho terapêutico de caráter muito específico e inovador. Se a princípio foi baseada na visão e sabedoria de Bert Hellinger, hoje segue novo movimento, sendo aperfeiçoada por Alexandra Caymmi, sua criadora.

A TSFI trabalha e libera traumas, movimentos interrompidos, atua na limpeza da memória celular, na integração de partes perdidas pela vivência de eventos traumáticos, utilizando a liberação de traumas, técnicas do xamanismo, o cantos e os sons, assim como instrumentos de cura.

Como acontece?

O cliente coloca a questão que quer resolver, da forma mais sucinta possível e escolhe pessoas do grupo para representar a si mesmo, os indivíduos envolvidos na questão exposta, sintomas físicos ou um tema que seja de importância para o cliente ver, entender ou liberar. O cliente, geralmente, fica de fora assistindo e tem a oportunidade de observar a situação de conflito que determinou o bloqueio dentro do seu tema. Em algumas ocasiões é possível que o cliente participe, mas isso ocorre muito raramente, pois, há uma diferença vibracional entre o “cliente” representado no campo e o cliente que está de fora assistindo. Estes, normalmente, não estão na mesma sintonia, pois o trabalho realizado no campo energético se processa numa dimensão e frequência diferentes do que a do cliente que assiste.

É papel do facilitador em TSFI, perceber a unidade que liga todo o sistema no qual os representantes são componentes e realizar os movimentos xamânicos, cantos ou afirmações investigativas necessárias junto aos representantes para que possa fluir, acompanhando as energias e informações presentes no campo, de forma fenomenológica e dentro do movimento do espírito. Os representantes estão dentro do movimento da alma e são como canais de conexão com as energias e informações necessárias para a liberação dos traumas e dinâmicas que estão por trás dos bloqueios, sejam de origem familiar ou não, sejam originários do que o cliente viveu ou carrega. É importante assinalar que em TSFI não se faz necessário um número muito grande de informações sobre a história familiar do cliente, pois o que se busca é exatamente o que for, precisamente, mais importante para liberar o bloqueio do cliente e isso pode não ter exatamente a ver com as informações sobre sua origem familiar ou de nascimento.

A INTENÇÃO PRINCIPAL DO TRABALHO É REENCONTRAR A NOSSA UNIDADE DENTRO DO MOVIMENTO DA VIDA e para que isso aconteça é importante liberar o que não nos pertence(Constelações Familiares tradicionais) e reintegrar o que nos falta (trabalho de traumas elaborado pela Alexandra).
A TSFI tem sido uma metodologia de trabalho e uma terapia sistêmica fenomenológica de grande profundidade terapêutica, dissolvendo nós e bloqueios importantes, trazendo resoluções de conflitos e realizando saltos quânticos de cura e consciência na vida das pessoas.

Fonte: Ubuntu Terapias Integrativas

TSFI (Terapia Sistêmica Fenomenológica Integrativa)
Tagged on:             

Deixe uma resposta